Ex-líder de grupo que promove a “cura gay” se casa com um homem

Quem desdenha quer comprar! O velho ditado cai como uma luva para o americano Jonh Smid! Durante 1990 e 2008, ele ocupou o cargo de diretor-executivo do grupo “Love in Action” e considerava a homossexualidade “um pecado”. John, no entanto, acaba de oficializar a união com seu parceiro Larry McQueen, garante a agência de notícias The Lone Star Q.

142

“Eu tinha fé de que algo iria acontecer, mas isso nunca aconteceu. Agora, na minha idade, já não tenho muitos anos restantes, não posso viver mais assim pelo resto da minha vida. Então, eu pensei que não, eu não estou disposto a continuar empurrando algo que não vai ocorrer”, contou.

Por isso, anunciou em sua conta de Facebook: “Conheci McQueen gradualmente, até que chegou um momento em que descobrimos que queríamos conhecer melhor um ao outro por meio de uma relação amorosa. Conforme saiamos, compartilhávamos as mesmas expectativas de vida, filosofias pessoais e nossos valores de fé. Encontramos uma compatibilidade que era confortável e emocionante.” Agora, estão oficialmente juntos.

A proposta mais controversa lançada por ele quando ainda representava a empresa foi divulgada em 2005. Na época, John prometeu criar um programa que poderia mudar a opção sexual de uma criança.

Thiago Araujo é editor-chefe do Pheeno! Formado em jornalismo pela UFRJ, o carioca de 27 anos comanda projetos em comunicação para diversos clientes em seu escritório no Rio, principalmente no ramo do entretenimento. Além disso, ainda é DJ de música pop, viajando o Brasil em eventos onde o agito é palavra de ordem!