Chamado de “filha do diabo”, transexual é recebido pelo papa Francisco no Vaticano

Segundo ao jornal local “Hoy”, da região de Extremadura, na Espanha, o Papa Francisco recebeu, no sábado, em audiência privada, um homem transexual espanhol. Diego Neria Lejárraga, de 48 anos, participou na audiência com o Papa, acompanhado pela sua atual namorada. Neria teria encontrado o pontífice após ter enviado cartas contando que foi excluído de sua paróquia depois de realizar a cirurgia de readequação de gênero.

O espanhol teria sido proibido de comungar pelo paróco da igreja que frequenta em Estremadura, comunidade do sudoeste da Espanha, e também foi chamado de “filha do diabo”. Comovido com a situação de Diego, Francisco teria ligado para o rapaz em 8 de dezembro, propondo o encontro e a audiência teria ocorrido um mês depois. “Depois de ouvi-lo em muitas ocasiões, eu senti que ele poderia me ouvir”, contou em entrevista ao “Hoy”.

Nascido de uma família católica, Diego nasceu menina, porém não se sentia uma mulher. No entanto, só passou pela cirurgia quando tinha 40 anos, apesar de sempre ter contado com o apoio dos pais e da irmã. O Vaticano ainda não confirmou o encontro, mas também não negou. Francisco é conhecido por querer que a Igreja se aproxime mais dos LGBTs. Em 2013, questionou “se uma pessoa é gay e busca a Deus, quem sou eu para julgá-la?”.

Felipe é redator do Pheeno! Focado em explorar cada vez mais a comunicação em tempos de redes sociais, o carioca de 22 anos divide seu tempo entre o trabalho e a faculdade de jornalismo, sempre deixando espaço para o melhor da noite carioca!