Vídeo: Ellen DeGeneres tira sarro de pastor que a acusa de fazer propaganda gay para os jovens

Ellen DeGeneres aproveitou o início do seu programa desta terça-feira (13/01) para responder às acusações publicadas pelo jornal religioso “Christian Post”! De acordo com o artigo escrito pelo pastor Larry Tomczak, a apresentadora celebra seu “estilo de vida lésbico” e seu “casamento” entre aparições de convidados como Taylor Swift, que são populares entre os jovens, para influenciá-los.

“Primeiro de tudo, eu não sou ‘casada'”, disse Elen, imitando com as mãos o sinal de aspas. “Eu sou casada, isso é tudo”, completou, sem usar as aspas. “E, Larry, eu nem sei o que significa ‘celebrar’ o meu lesbianismo . Quero dizer… Bem, acho que eu sei, é tipo isso”, comentou ela, tirando do bolso e detonando um lança confete: “Olha! Eu sou gay!”.

A apresentadora continuou: “A única maneira que eu estou tentando influenciar as pessoas é para elas serem mais bondosas e compassivas umas com as outras”, arrancando aplausos da platéia. “Não estou aqui para fazer lavagem cerebral em ninguém”, acrescentou, pegando uma placa rotatória e simulando um hipnose no público: “Atenção, juventude do mundo. Ouça o som da minha voz: eu quero que você viva sua vida sendo exatamente quem você é. Seja fiel a si mesmo, a coisa mais importante é ser verdadeiro consigo mesmo. E a segunda coisa mais importante é usar cuecas da grife Ellen, apenas cuecas da Ellen”. Arrasou na resposta!

Veja a resposta completa da apresentadora…

O Pheeno.com.br é um portal de notícias, estilo de vida e entretenimento LGBT do Rio de Janeiro, antenado também em tudo que acontece de importante para o segmento no Brasil e no mundo!