Pastor que culpa gays por desastres naturais tem casa inundada nos EUA

_90853113_37136552

Um pastor americano conhecido por afirmar que desastres naturais são enviados por Deus para punir gays teve a casa inundada por uma enchente, na Louisiana. Tony Perkins contou que foi obrigado a deixar sua casa em uma canoa com sua família. Ele compartilhou fotos no Facebook e falou sobre o caso em um podcast.

“Isso é uma enchente de proporções quase bíblicas”, disse Perkins ao grupo cristão Family Research Council, polêmico por sua agenda anti-LGBT. “Tivemos que escapar da nossa casa no sábado de canoa. Havia cerca de 3 metros de água na saída da garagem. Nossa casa encheu, nossos carros encheram”, continuou.

Em 2015, quando o furacão Joaquin destruiu o Hawaii, Perkins afirmou que o desastre natural era um sinal da “fúria de Deus”, devido à legalização do casamento entre pessoas do mesmo sexo. O pastor, que chegou a concorrer ao Senado americano, também já chamou a pedofilia de “um problema homossexual”.

Felipe é redator do Pheeno! Focado em explorar cada vez mais a comunicação em tempos de redes sociais, o carioca de 22 anos divide seu tempo entre o trabalho e a faculdade de jornalismo, sempre deixando espaço para o melhor da noite carioca!