Polícia prende garotos de programa acusados de furtar clientes em Manaus

gogoboys-preso-manaus-pheeno-capa

O estudante de enfermagem Laerte Rodrigues Caxeixa Neto, de 20 anos, mais conhecido como “Playboy”, foi detido pelo crime de furto na manhã desta quinta-feira (03/11) em Manaus dentro do apartamento dele, localizado na avenida Belo Horizonte, bairro Adrianópolis, na Zona Centro-Sul da cidade.

Segundo Jander Mafra, delegado titular do 13º Distrito Integrado de Polícia (DIP), no apartamento do jovem, que também trabalhava como gogoboy, foi encontrado uma televisão furtada no final de outubro de um pedadogo de 37 anos, cliente do suspeito. De acordo com o delegado, o pedagogo teria contratado “Playboy” e outros dois amigos, um deles identificado como Cesar Gabriel Frota da Silva, de 21 anos, para uma festa na casa dele em agosto deste ano.

Laerte Rodrigues Caxeixa Neto, de 20 anos.
Laerte Rodrigues Caxeixa Neto, de 20 anos.

“Ele contratou para que os meninos pudessem animar a festa. E final do mês houve o furto, em que fizeram ‘a limpa’. Hoje o professor veio registrar e conseguimos localizar por meio das câmeras”, disse Mafra para reportagem do site “A Crítica”. Em depoimento na unidade policial, o jovem confessou participação no crime. Ele argumentou que toda a ação teria sido planejada por Gabriel.

Laerte relatou ter ficado com a televisão e que os outros objetos foram divididos entre os outros dois comparsas, que estão sendo procurados pela polícia. Laerte foi indiciado por furto qualificado e responderá pelo delito em liberdade. Já Gabriel deve ter o pedido de prisão preventiva emitido nos próximos dias. As investigações vão continuar para que a polícia identifique e ouça o terceiro garoto de programa envolvido no crime.

Felipe é redator do Pheeno! Focado em explorar cada vez mais a comunicação em tempos de redes sociais, o carioca de 25 anos divide seu tempo entre o trabalho e a faculdade de jornalismo, sempre deixando espaço para o melhor da noite carioca!