Homem é apedrejado durante festa por dançar de um jeito “muito bicha”

O que era para ser uns dias de férias e curtição na Bahamas, acabou virando pesadelo para o americano Adrian Brown. O rapaz foi apedrejado por dois homens enquanto curtia o festival local Junkanoo. O motivo?! Brown estava dançando de um jeito “muito bicha”.

Segundo reportagem loca, não havia nenhuma autoridade policial por perto no momento do ataque. Mais tarde, a polícia de Nassau alegou que não teve conhecimento da agressão e que ninguém solicitou ajuda. Pessoas próximas a Adrian o socorreram e levaram-no ao hospital. A vítima teve cortes pelo rosto e em outras partes do corpo.

Alexus D’Marco, presidente da Transgender Intersex United, ressaltou que o caso preocupa, principalmente porque as Bahamas recebe muitos turistas LGBTs anualmente. “Recebemos muitos turistas LGBT e isso não pode acontecer e nem ficar por isso aqui em Bahamas”, afirmou. Um dos criminosos conseguiu escapar e o segundo foi preso. A polícia continua investigando o caso.

Felipe é redator do Pheeno! Focado em explorar cada vez mais a comunicação em tempos de redes sociais, o carioca de 21 anos divide seu tempo entre o trabalho e a faculdade de jornalismo, sempre deixando espaço para o melhor da noite carioca!

Comentários no Facebook