Mala avantajada de ator foi diminuída com ajuda de edição em “Me Chame Pelo Seu Nome”

O drama gay “Me Chame Pelo Seu Nome” continua dando o que falar, e deste vez o assunto não está focado nas três indicações ao Globo de Ouro. Em entrevista ao Andy Cohen, o diretor Luca Guadagnino e o ator Armie Hammer comentaram que uma das cenas do filme precisou passar por uma baita edição antes do longa estrear.

O motivo, segundo Guadagnino foi o enorme volume da mala de Hammer, que dá vida ao Oliver, o hóspede americano que se relaciona com o garoto de 17 anos. “Sobre os shorts curtos de Armie, seu pacote estava saindo para fora?”, questionou o apresentador. “Sim! Tivemos que olhar cena por cena e remover digitalmente as minhas bolas do filme. Os shorts eram muito curtos – o que eu podia fazer?”, respondeu o ator.

“Armie Hammer tem um pacote grande, é isso que você está dizendo”, perguntou novamente o apresentador, desta vez para o diretor. “Não, não estou dizendo isso. Estou garantindo que tivemos que retirá-lo!”, finalizou. Será que eles esqueceram de aditar alguma cena?! O jeito é assistir ao filme, que tem previsão de estreia no Brasil no dia 18 de janeiro de 2018.

Confira o trailer

Felipe é redator do Pheeno! Focado em explorar cada vez mais a comunicação em tempos de redes sociais, o carioca de 22 anos divide seu tempo entre o trabalho e a faculdade de jornalismo, sempre deixando espaço para o melhor da noite carioca!