“Um ataque contra Deus”, dispara padre Reginaldo Manzotti sobre transexuais

Convidado da última quinta-feira (19/04) do programa “Conversa com Bial”, o padre Reginaldo Manzotti fez declarações transfóbicas durante entrevista. De acordo com ele, a discussão sobre identidade de gênero está contribuindo para a deterioração dos valores enquanto sociedade e falindo instituições como o casamento.

“Uma coisa é você ter amor, carinho, tolerância, acolhimento. Outra coisa é você estabelecer a exceção como regra”, afirmou. “Um ataque contra o homem e a mulher é um ataque contra o Deus criador”, continuou. O religioso ainda complementou: “Não quer dizer que eu estou aqui condenando ou mandando para o inferno de Dante Alighieri. O que eu estou dizendo é que nós não podemos dizer que está tudo bem. Não está bem. Deus criou o homem e a mulher”.

“O grande problema do ser humano é que ele quer rapidamente achar a resposta, que é genético, ou é espiritual. Por que que a gente não se dá ao direito de esperar o tempo ao tempo? E não querer colocar rótulos? Por que criar uma identidade de gênero? Calma, gente. O homem e a mulher”. Manzotti garante não ser homofóbico, já que convive com LGBTs na sua igreja.

“Eu conheço e tenho na igreja trabalhando. Por exemplo, podem trabalhar na igreja, podem ter um trabalho social muito bom, podem ser felizes. Mas isso não quer dizer que a pessoa está dentro do que Deus criou. Alguma coisa aconteceu”, disse.

Felipe é redator do Pheeno! Focado em explorar cada vez mais a comunicação em tempos de redes sociais, o carioca de 22 anos divide seu tempo entre o trabalho e a faculdade de jornalismo, sempre deixando espaço para o melhor da noite carioca!