RJ: FLUP presta homenagem a Solano Trindade, primeiro poeta ativista negro do Brasil

É literatura, é cultura, é MILITÂNCIA!

A FLUP 2019 fará homenagem a Solano Trindade, o primeiro poeta ativista negro do país.

Neste domingo, dia 20/10, a FLUP fará uma grande homenagem ao autor, ator, teatrólogo e cineasta pernambucano Solano Trindade, o primeiro poeta ativista negro do Brasil.

A edição de 2019 da Festa Literária das Periferias (originalmente com o nome de Festa Literária das UPPs – pois o evento acontecia somente em comunidades pacificadas) está concentrada no MAR (Museu de Arte do Rio), na região portuária da capital fluminense, porém há eventos e atrações acontecendo em outros locais próximos à região, como é o caso da homenagem a Solano.

A homenagem ao poeta pernambucano, que passou a maior parte de sua vida em São Paulo, será feita através de duas sessões da peça “Solano, Vento Forte Africano”, a primeira com início previsto pras 16h e a segunda às 19h, na Grande Cia Brasileira de Mystérios e Novidades, localizada no número 21 da Rua Pedro Ernesto no bairro da Gamboa.

Criada em 2012 com o objetivo de ser um espaço de formação de novos leitores e autores na periferia das grandes cidades brasileiras a FLUP chega na sua 8º edição, que começou na última quarta-feira, 16/10 e terminará domingo dia 20/10.

Para conferir a programação completa da FLUP basta acessar o site oficial do evento ou clicar aqui.

Serviço

Solano, Vento Forte Africano | Uma homenagem a Solano TGrindade na FLUP
Domingo, 20/10, na Grande Cia Brasileira de Mystérios e Novidades.
Entrada gratuita.
Rua Pedro Ernesto, 21 – Gamboa, Rio de Janeiro – RJ. A partir das 16h.

Arquiteto, DJ, VJ, Produtor de Eventos e o mais novo colaborador para conteúdos sobre diversidade LGBTQIA+ para o portal Pheeno.com.br