Ator pornô gay faz vaquinha virtual para não ser preso: “Alegações falsas de um ato criminoso”

Após algumas prisões ao longos dos anos, o ator pornô gay Aspen vem enfrentando aquela, que sem dúvida, pode ser a acusação mais séria de sua vida. Pelo menos é o que ele garante! Enquanto o ator se recusa a revelar o motivo da acusação, ele afirma que pode ser condenado a pelo menos cinco anos de prisão e precisa da ajuda dos fãs.

Segundo Aspen, ele precisa de US$ 24.500 arcar com as despesas de seu advogado após ser preso devido a “alegações falsas de um ato criminoso”. Para isso, o ator criou um vaquinha virtual no site GoFundMe. “Fãs, como todos sabemos, fui preso recentemente devido a falsas alegações de um ato criminoso que supostamente cometi em dezembro de 2018. Devido à natureza das acusações, prefiro não compartilhar com você”, conta o ator na descrição da vaquinha.

“Atualmente, essa acusação acarreta no mínimo uma sentença de 5 anos. Como todos sabemos, os advogados podem ser incrivelmente caros e, nesse caso, não é com quem eu gostaria de aceitar uma barganha. Por favor me ajude. Salve minha bunda. Ou você nunca verá o melhor de mim”, encerra Aspen. Ao ser questionado por seguidores o motivo da acusação, eledeclarou que divulgará “essas informações, desde que ele seja indiciado”.

Felipe é redator do Pheeno! Focado em explorar cada vez mais a comunicação em tempos de redes sociais, o carioca de 25 anos divide seu tempo entre o trabalho e a faculdade de jornalismo, sempre deixando espaço para o melhor da noite carioca!