Após união civil, agora casamento religioso LGBTQ+ também vira lei na Irlanda do Norte

Foto: Reprodução/Internet

O casamento entre pessoas do mesmo sexo no religioso foi legalizado na Irlanda do Norte, um ano após a aprovação da união civil LGBTQ+. Em julho de 2019, a Câmara dos Deputados da Irlanda do Norte aprovou os direitos igualitários na união LGBTQ+ , porém a comunidade ainda não tinha esse direito assegurado em casamentos religiosos.

Após consulta popular online, e com a maioria a favor, Robin Walker, Ministro de Estado, introduziu essa mudança na regulamentação do casamento no parlamento na quinta (16/07), após uma longa campanha de ativistas.

Igrejas e grupos de quaisquer religião poderão oferecer e realizar o casamento LGBTQ+, apesar de não serem obrigados, a partir do dia 01 de setembro, quando a nova regra entra em vigor. O diretor da Anistia Internacional da Irlanda do Norte comemorou. “É histórico para a igualdade de direitos. Depois de uma longa campanha, casais religiosos do mesmo sexo poderão celebrar a união em igrejas e congregações”.

Thiago Araujo é editor-chefe e criador do Pheeno! Referência no cenário pop LGBTQIA+ nacional, o carioca de 30 anos é jornalista e empresário do ramo do entretenimento, além de agitar as pistas como DJ mundo afora!