Dificuldade de ereção pode estar diretamente ligada ao consumo de pornografia, revela estudo

Foto: Reprodução/Internet

Você tem dificuldades de ereção?! Um estudo da Associação Europeia de Urologia, divulgado nesta quinta (16/07) revela que a quantidade de pornografia consumida pode estar diretamente ligado ao nível de piora na disfunção erétil do homem.

O artigo indica que 23% dos homens com menos de 35 anos que participaram de um questionário online sobre o tema tinham algum nível de disfunção erétil ao fazer sexo.

“Pessoas que assistem a mais pornô também tiveram maiores níveis na escala de vício a conteúdo pornográfico”, afirma o professor Gunter de Win, da Universidade da Antuérpia, na Bélgica! “Pessoas que assistem a mais pornô também tiveram maiores níveis na escala de vício a conteúdo pornográfico”, acrescentou.

Para os avaliados — que foram mais de 3 mil moradores de Bélgica e Dinamarca —, 35% acham que o sexo da vida real não é mais estimulante do que conteúdos pornográficos. A partir do questionário, o levantamento também identificou que, em média, homens consomem cerca de 70 minutos de pornografia por semana. “Porém, o trabalho foi feito para observar qualquer relação entre o pornô e as disfunções eréteis, e, dada a grande amostra, estamos bem confiantes com os achados”, disse De Win.

Thiago Araujo é editor-chefe e criador do Pheeno! Referência no cenário pop LGBTQIA+ nacional, o carioca de 30 anos é jornalista e empresário do ramo do entretenimento, além de agitar as pistas como DJ mundo afora!