Ator Igor Cosso revela homofobia em set e diz que escondia namorados por medo de perder trabalhos

Igor Cosso, que atualmente aparece no elenco da novela “Salve-se Quem Puder“, contou para o canal TEDx Talks no YouTube como foi se assumir gay. Atualmente com 29 anos de idade, ele relembrou o preconceito que sofreu ao conseguir seu primeiro trabalho na TV, quando tinha 19 anos.

“Fui lá trabalhar e, logo nos primeiros dias de gravação, todo empolgado, entendi que o que era natural para mim poderia ser fatal para minha carreira. Eu lia, nas revistas e jornais, gente grande no mercado dizendo que um ator do meu perfil não podia se assumir gay, porque se não ele nunca mais ia trabalhar”, disse o ator. “Eu queria trabalhar. Então comecei a engolir um monte de piada machista que eu escutava. Não socializava de jeito nenhum com meus colegas de trabalho, ficava escondendo meus namoros e ficava respondendo perguntas do tipo ‘o que uma mulher tem que ter para te conquistar?’. Esse era o meu cotidiano“, continuou.

No depoimento, Igor relatou ainda um episódio que o abalou profundamente. “Um jornalista publicou que tinha um ator gay em um trabalho que eu fazia, que era eu”, contou. “Uns dias depois, eu fui gravar, estava morrendo de medo. Fui entrar no set e um cara da equipe técnica parou, olhou no meu olho e falou para mim, para todo mundo escutar, de propósito: ‘O viadinho chegou’. E todo mundo em volta começou a rir”, revelou ele, que, naquele dia, chorou muito em casa. “Desabei. Eu estava acabado. Fiquei com vergonha“. Ele superou o medo em junho deste ano, quando se assumiu em um post no Instagram. Atualmente, Igor namora Heron Leal.

Confira

VEJA + NO PHEENO TV

Felipe é redator do Pheeno! Focado em explorar cada vez mais a comunicação em tempos de redes sociais, o carioca de 25 anos divide seu tempo entre o trabalho e a faculdade de jornalismo, sempre deixando espaço para o melhor da noite carioca!