Caique de Castro Santos, de 31 anos, foi sentenciado a nove anos e quatro meses de reclusão

Extorsão e roubo: Acusado de aplicar golpes em homens gays é condenado a 9 anos de cadeia

Depois de aplicar diversos golpes em homens gays, Caique de Castro Santos, de 31 anos, teve sua prisão decretada em nove anos e quatro meses em regime fechado. Os casos aconteceram em Salvador e, entre eles, como contam as vítimas, estão casos de extorsão e roubo que aconteceram em agosto do ano passado.

A prisão aconteceu no dia 5 de setembro do ano passado, em um caso em flagrante, quando estava aplicando mais um golpe em sua longa lista. Três vítimas de Caíque deram depoimento e relataram situações semelhantes, como um padrão.

O encontro era marcado com os homens via aplicativo, e após fazerem sexo ele anunciava que era garoto de programa, exigindo o pagamento do serviço. Caíque ainda ameaçava as vítimas de morte caso se recusassem a pagar a quantia. De duas vítimas ele cobrou R$550 e do terceiro R$1.100. Em dois casos, ele levou o celular dos homens como garantia do pagamento. Os golpes foram aplicados no ano passado entre 22 e 28 de agosto.

Jacqueline de Andrade Campos, juíza do caso, detalhou que as provas apresentadas são suficientes para a prisão de Caíque. O criminoso disse a algumas vítimas que iria quebrar o braço deles e que ele “pagaria com sangue”, pois sabia o endereço da vítima caso ocorresse uma denúncia. “Analisando o conjunto probatório, dúvidas não subsistem acerca da materialidade e autoria delitiva, sendo certo que as declarações dos ofendidos foram harmônicas entre si e descreveram, de maneira firma e clara, que Caíque de Castro Santos praticou o delito”, disse a juíza ao Correio 24 Horas.

Facebook Notice for EU! You need to login to view and post FB Comments!

Arthur Aguiar

Redator do Pheeno, formado em comunicação social e estudante de moda. Apaixonado por contar histórias e explorar culturas.

Você vai curtir!