“Criei minha filha para casar com homem”, diz vereador que agrediu parceira de filha

O vereador e presidente da Câmara de Vereadores do município de Firmino Alves, no baixo sul da Bahia, Edmílson Freitas, é suspeito de ter agredido a namorada da filha mais velha, de 18 anos, após ter flagrado as duas juntas no quintal de casa, no dia 7 de outubro.

Em depoimento à polícia, a namorada da filha do vereador contou que foi agredida com pauladas na cabeça e que a sua parceira foi ferida com golpes de facão. Ela relata que ainda foi puxada pelos cabelos, teve um dedo quebrado e apresenta alguns hematomas pelo corpo. Edmílson confirmou que é contra o relacionamento das duas, mas que somente atacou as jovens porque confundiu as duas com ladrões, já que o local estava escuro. “Quando saí na janela que eu olhei para o quintal, vi uma sombra passando no muro, eu tomei logo um susto de primeira. Eu peguei o facão e desci para me defender”, declarou o vereador em entrevista ao “Jornal da Manhã”.

“Queria dar uma surra na minha filha, vou ser sincero. Eu queria dar uma surra porque eu percebi o que estava acontecendo. Eu sou contra, eu não aceito. Porque eu criei minha filha para casar com homem e ter filhos e eu ser avô”, disse. A delegacia de Itororó, que investiga o caso, afirma que irá indiciar Edmílson Freitas por agressão à mulher, por meio da Lei Maria da Penha.

Veja imagens das lesões causadas pela agressão…

agressão3

Felipe é redator do Pheeno! Focado em explorar cada vez mais a comunicação em tempos de redes sociais, o carioca de 22 anos divide seu tempo entre o trabalho e a faculdade de jornalismo, sempre deixando espaço para o melhor da noite carioca!