Jovem é preso após invadir boate gay com arma de paintball e atirar contra frequentadores

Austin-Richardson-ataque-paintball-pheeno-capa

Para alguns, cabelos loiros e olhos azuis pode ser considerado algo angelical, mas esse adolescente está sendo acusado de cometer um crime homofóbico bem diabólico. Austin Richardson foi preso na última segunda-feira (29/08) por suspeita de ter participado de um ataque contra um club gay em Stockton, na Califórnia, nos EUA.

Segundo o site de notícias local KCRA, o jovem teria invadido a boate Paradise Club na mesma noite em que ocorreu o ataque contra os frequentadores da Pulse, em Orlando, Flórida. Richardson entrou no local com uma arma de paintball e atirou contra frequentadores que estavam na casa. Duas pessoas ficaram levemente feridas.

Ainda segundo a publicação, dois outros suspeitos, Branden Staples, de 19 anos, e um menino de 16 anos de idade, também foram presos suspeitos de participarem do ataque. Austin Richardson foi levado para a penitenciária do condado de San Joaquin sob acusações de agressão arma mortal e crime de ódio.

Felipe é redator do Pheeno! Focado em explorar cada vez mais a comunicação em tempos de redes sociais, o carioca de 25 anos divide seu tempo entre o trabalho e a faculdade de jornalismo, sempre deixando espaço para o melhor da noite carioca!