Bahia transforma bandeiras de escanteio em bandeiras de arco-íris em ação contra LGBTfobia

Em tempos onde a homofobia se faz cada vez mais presente nos estádios de futebol, o Esporte Clube Bahia resolveu tomar uma atitude em respeito a diversidade. Neste domingo (16/09), durante o jogo do Bahia x Fortaleza, o time baiano deu início a campanha chamada #LevanteBandeira e instalou bandeirinhas de arco-íris no lugar das bandeirinhas de escanteio.

Lançada no último sábado (14/09), a campanha rapidamente viralizou pelas redes sociais. Através de um vídeo publicado em suas redes sociais, o time mostrou o depoimento de um jovem homossexual. “Não toleramos homofobia nem dentro nem fora dos estádios”, escreveu o clube. O vídeo é narrado por um costureiro homossexual, onde o time traz a reflexão de como a “linha da vida” dos homossexuais se torna curta devido à sua orientação sexual.

Nos últimos meses, o Bahia realizou diversas ações em defesa de temas de direitos humanos. O clube já manifestou contra o racismo em conjunto com o Grêmio, contra a LGBTfobia, contra a violência no futebol, em favor da demarcação de terras indígenas, tornou mais fácil para torcedoras denunciarem assédios nos estádios após saber de um caso através das redes sociais, além de abrir sua loja oficial para a realização de testes de DNA em uma campanha sobre abandono paterno.

Felipe é redator do Pheeno! Focado em explorar cada vez mais a comunicação em tempos de redes sociais, o carioca de 22 anos divide seu tempo entre o trabalho e a faculdade de jornalismo, sempre deixando espaço para o melhor da noite carioca!