Após post racista e ser criticado na web, ator pornô Billy Santoro tenta suicídio; marido culpa “ódio da internet”

Banido do Twitter e OnlyFans após ser flagrado por seguidores fazendo comentários racistas nas redes sociais, onde critica manifestantes antirracistas e sugere que a “atirem primeiro”, o ator pornô gay Billy Santoro teria tentado suicídio. Quem confirma é o marido do rapaz.

Em publicação no Tiwtter, Gage Santoro afirma que Billy foi parar no hospital após uma tentativa de suicídio “por culpa do ódio que recebeu da Internet”. Em outros tweets, Gage divulgou fotos do ator no que parecia ser um ambiente hospitalar, acompanhado da tag #PrayForBilly (#RezemParaOBilly). Mesmo assim, o marido de Billy continuou sendo criticado por seguidores.

Mais tarde, Gage deletou o seu perfil no Twitter, mas antes disso deixou um recado na rede social. “Eu acredito que qualquer um pode mudar. Eu sei que sua educação parental influenciou seu pensamento. O que foi dito naquele post foi absolutamente nojento. Não o estou defendendo nem um pouco”, escreveu. “Eu até peço desculpas à comunidade negra por isso. Mas, por favor, não pense que eu tenho as mesmas opiniões”.

“Visões racistas é o motivo pelo qual encerrei meu relacionamento hoje. Eu defendo todas as vidas negras. Por favor, não me ataque. Estou tentando consertar isso. Amor, Gage”, disse em outro tweet.

Felipe é redator do Pheeno! Focado em explorar cada vez mais a comunicação em tempos de redes sociais, o carioca de 25 anos divide seu tempo entre o trabalho e a faculdade de jornalismo, sempre deixando espaço para o melhor da noite carioca!