Após abandonar carreira gospel, Perlla vira madrinha de concurso gay: “Eles amam minha música”

Após largar a carreira gospel e voltar ao funk, Perlla parece estar reencontrando seu antigo público. Entre eles o LGBT. Tanto que a cantora foi escolhida para ser a madrinha do concurso Rainha do Carnaval Gay.

“O público LGBT me acompanha desde o início da minha carreira e da minha vida. Eu vivo com um monte deles, falo igual a eles, mas porque os amo e não porque quero ficar tirando onda. Já fui convidada para participar de outros eventos gays e agora fui convidada para ser Madrinha da Parada Gay de Barra do Piraí, que acontecerá em 14 de janeiro de 2018”, disse a cantora em entrevista ao Extra.

Para ela, a fidelidade e confiança depositada nela pelos LGBTs são o que mais a fascinam. “Esse público é muito fiel, verdadeiro. Quando gosta, gosta e, quando não gosta, não tem o que fazer. Eles amam minha música, adoram dançar elas, mas o mais legal é que eles aprenderam a respeitar a Perlla. A Perlla humana, que pensa, que fala verdades. Eles curtem muito isso e vibram com a minha verdade. A minha música é prazer para eles, mas a Perlla é muito mais”, avalia.

Felipe é redator do Pheeno! Focado em explorar cada vez mais a comunicação em tempos de redes sociais, o carioca de 25 anos divide seu tempo entre o trabalho e a faculdade de jornalismo, sempre deixando espaço para o melhor da noite carioca!