Homem pede reembolso após ver casal gay se beijando em festa dedicada ao público LGBT

O DJ Rob Holley, de Londres, na Inglaterra, relatou no Twitter um episódio homofóbico na festa de Réveillon que organizou. Através da publicação, Holley contou que recebeu o e-mail de um frequentador que se sentiu incomodado ao presenciar um casal gay se beijando no local.

Identificado como Stuart, o homem exigia que houvesse um reembolso do valor pago por não saber que o evento era aberto para LGBTs. Apesar de afirmar não ser homofóbico, ele diz que tanto ele quanto sua namorada não gostaram de ver dois caras se beijando. Holley tentou argumentar com Stuart que, em todas as peças de divulgação do evento e também no site responsável pela venda dos ingressos, estava sinalizado que a Push The Button é uma festa livre de preconceitos e inclusiva para todas as orientações sexuais. Mesmo assim, o homem fazia questão de ser reembolsado pois a visão do casal gay “estragou sua noite e de sua namorada”.

Ao checar o ocorrido com a hostess da festa, o DJ descobriu que Stuart tinha solicitado um reembolso após três horas desde sua entrada no evento. Cansado da demonstração de intolerância, Holley informou que o valor do ingresso não seria devolvido, mas doado à uma instituição de apoio à comunidade LGBT. Stuart não gostou da ideia e passou a ofender o DJ, que respondeu: “da próxima vez, usaremos triângulos rosa em nossas roupas para te beneficiar”. O triângulo rosa invertido era uma marcação feita em campos de concentração nazistas para identificar os homens gays que foram capturados. Stuart respondeu: “se puder, por favor use”.

Felipe é redator do Pheeno! Focado em explorar cada vez mais a comunicação em tempos de redes sociais, o carioca de 25 anos divide seu tempo entre o trabalho e a faculdade de jornalismo, sempre deixando espaço para o melhor da noite carioca!