Hétero no pornô gay usa pai de 64 anos como cameraman: “É um trabalho honesto”

Homens héteros no pornô gay?! Victor Hugo garante que sim! O paulista de 25 anos sonha em casar, construir família e ter filhos, mas só depois de garantir seu pé-de-meia. Ele grava filmes com parceiros e parceiras de todos os gêneros e orientações, e afirma que é um trabalho honesto, tanto que emprega o próprio pai como cameraman em suas produções. Victor revela que já foi perseguido por um policial na época que fazia programa e ainda defende que homens héteros não sejam chamados de gays por saírem com mulheres trans: “Estamos vendo uma figura feminina ali“.

Confira

Felipe é redator do Pheeno! Focado em explorar cada vez mais a comunicação em tempos de redes sociais, o carioca de 25 anos divide seu tempo entre o trabalho e a faculdade de jornalismo, sempre deixando espaço para o melhor da noite carioca!