Ex-Mulher Abacaxi vence na vida como caminhoneira: “Sou trans e conquistei espaço pelo respeito”

Você lembra da febre das mulheres-fruta?! Conversamos com Marcela Porto, mulher trans que ganhou notoriedade como Mulher Abacaxi! Ela revela, que além do espaço no funk, também lutou pelo seu espaço dentro de outro segmento bastante machista: o de caminhoneiros.

Atualmente dona de sua própria transportadora, Marcela conta a reação dos colegas de trabalho na época ao descobrir sua outra profissão através de uma capa de jornal e relembra momentos icônicos da carreira, como quando participou do DVD da Furacão 2000!

Confira

Felipe é redator do Pheeno! Focado em explorar cada vez mais a comunicação em tempos de redes sociais, o carioca de 25 anos divide seu tempo entre o trabalho e a faculdade de jornalismo, sempre deixando espaço para o melhor da noite carioca!