Alice Felis registra boletim de ocorrência após sofrer ameaças por telefone: “Chegou a ameaçar minha mãe”

A modelo trans Alice Felis, que mobilizou a internet em 2020 após sofrer um ataque transfóbico brutal, onde perdeu dentes, quebrou o queixo ao meio, usou as redes sociais para denunciar que tem recebido ameaças por telefone desde a última sexta (12/11).

Em um vídeo publicado no Instagram, Alice expõe áudios de uma conversa com um homem que pede dinheiro para ela para, supostamente, tirar carteira de habilitação, e depois a ameaça. “Ele me ameaçou, começou a pedir dinheiro. Quando eu falava que não poderia ajudá-lo, que precisava falar com meu advogado, ele me ameaçava: ‘vou mandar as trans que mandam em Copacabana ir atrás de você, vão quebrar seus dentes, invadir seu apartamento’“, conta. A modelo diz que está assustada e não consegue dormir com medo, e chegou a passar mal. Um boletim de ocorrência sobre as ameaças foi registrado na 13ª DP (Copacabana). “Além de me ameaçar no Rio, ele me ameaçou em São Paulo também. Falou que conhece as trans de lá, e que se eu estiver em São Paulo, ele também me acha lá em qualquer lugar. Chegou até a ameaçar a minha mãe“.

Alice foi espancada por um homem com quem saiu em Copacabana em agosto do ano passado. Na ocasião, Lucas Brito Marques acompanhou a modelo até o apartamento dela, eles beberam e em seguida ele a agrediu diversas vezes. Alice teve o nariz e o maxilar quebrados, e ainda foi roubada por Lucas, que foi preso e responde ao processo por roubo qualificado com lesão corporal grave.

Confira

VEJA + NO PHEENO TV

Felipe é redator do Pheeno! Focado em explorar cada vez mais a comunicação em tempos de redes sociais, o carioca de 25 anos divide seu tempo entre o trabalho e a faculdade de jornalismo, sempre deixando espaço para o melhor da noite carioca!