“Criativista” de conteúdo foca em vivências negras: “Ser bicha preta fora do padrão é não existir”

Conversamos com Diego do Subúrbio no estúdio do Pheeno! O carioca se define como “criativista de conteúdo”, termo que une os conceitos de criador com ativista: “Não é só criar conteúdo, e sim gerar um propósito”. Ele conta que reflete sobre vivências negras LGBTQIAP+ nas redes sociais porque é um luta apagada e silenciada, desabafa que ser uma bicha preta fora do padrão é “quase não existir” e afirma: “A branquitude precisa reconhecer seu lugar de privilégio”.

Confira

Felipe é redator do Pheeno! Focado em explorar cada vez mais a comunicação em tempos de redes sociais, o carioca de 25 anos divide seu tempo entre o trabalho e a faculdade de jornalismo, sempre deixando espaço para o melhor da noite carioca!