Usuário do ‘Grindr’ debocha de jovem gay assassinado em Florianópolis

DJ Sérgio Cardoso usou perfil em rede social para denunciar caso aos seus amigos

10600574_10208330743569322_289651245694703487_n

Um internauta usou o seu perfil na web para denunciar uma brincadeira de muito mal gosto que alguém vem praticando contra Alexandre João Batista Santiago, de 32 anos, no aplicativo de pegação gay “Grindr”. O comissário de bordo foi encontrado morto no Centro de Florianópolis, no último sábado (05/03).

“Algum imbecil (porque não pode haver outra qualificação para um sujeito desses) pegou a foto do Alexandre Santiago, o rapaz que foi encontrado morto na madrugada de sábado, e criou este perfil no Grindr”, publicou o DJ Sérgio Cardoso, junto com um print screen do perfil do usuário.

Sérgio continua pedindo para que que os seus amigos denunciem o perfil para que o mesmo seja desativado do aplicativo. “Não conhecia o Alexandre pessoalmente, apesar de te-lo como amigo no Facebook. Mas minha revolta é tanta que não pude me conter”.

Confira…

POR FAVOR COMPARTILHEM! Estou revoltado. Algum imbecil (porque não pode haver outra qualificação para um sujeito…

Publicado por Sergio Cardoso em Terça, 8 de março de 2016

Felipe é redator do Pheeno! Focado em explorar cada vez mais a comunicação em tempos de redes sociais, o carioca de 25 anos divide seu tempo entre o trabalho e a faculdade de jornalismo, sempre deixando espaço para o melhor da noite carioca!