Casal formado por abutres gays incuba ovo rejeitado por fêmea em zoológico

201604261259029246_AFP

Olha que fofura! Ísis e Nordhorn, um casal gay de formado por dois abutres machos, estão incubando no jardim zoológico de Nordhorn, no oeste da Alemanha, um ovo que tinha sido rejeitado por uma fêmea desse mesma espécie, informou a instituição.

Segundo a porta-voz do parque, Ina Deiting, “Lisa (a fêmea) não deu amostras de querer fazer um ninho”, ao contrário dos dois machos. Essa foi a razão pela qual a direção do zoológico decidiu confiar o ovo ao casal de abutres gay que, “imediatamente se sentou em cima”, conta Ina.

O zoológico descartou uma criação à mão, pois nestes casos, os abutres desenvolvem um comportamento não natural com o ser humano, por isso que os responsáveis do parque decidiram que o casal gay assumiria o papel de pais. Outra caso interessando é que, segundo a mesma porta-voz, o único casal estável entre a população de abutres do parque é formado pelos machos Ísis e Nordhorn.

Felipe é redator do Pheeno! Focado em explorar cada vez mais a comunicação em tempos de redes sociais, o carioca de 25 anos divide seu tempo entre o trabalho e a faculdade de jornalismo, sempre deixando espaço para o melhor da noite carioca!