Caso Camargo: você está se reinventando pelos seus sonhos?!

wanessa

Wanessa, ex Camargo, atual Camargo, vinha ensaiando seu retorno ao sertanejo recentemente, o que culminou no lançamento da música “Coração Embriagado” esta semana. Rapidamente a sociedade atual, em que todos tem uma opinião e precisam desesperadamente compartilhá-la, começou a julgar a moça.

Não vem ao caso comentar se a música é boa ou não, até porque o gosto musical é particular de cada um. Mas há quem tenha criticado a cantora por sua “falta de personalidade” ao trocar de estilo musical e de ser “vendida”.

Wanessa, que não estava nos melhores momentos da sua carreira, poderia ter ficado estagnada por conta da agenda difícil, em casa reclamando que o universo é cruel por afastar o sucesso dela e que o mundo é injusto por não apreciar seu trabalho. Mas não! Ora, se cantar e fazer shows é a sua paixão, o que a faz feliz, que mal tem se reinventar?! E você, o que você tem feito para correr atrás do seus sonhos?

É verdade que não existe uma fórmula de bolo para o sucesso, mas ter um objetivo que te estimule com certeza é um bom começo. Você quer escrever um livro? Ser DJ? Dirigir um filme? Aprender a dançar? Compor uma música? Ser drag queen? Vá em frente! Quem se importa? É seu direito como ser humano, exerça-o com o coração leve. Você não precisa de autorização de ninguém para levar a vida que deseja.

Mas, ei, você precisa lembrar que o mundo não lhe deve automaticamente nenhuma recompensa. Caso não esteja dando certo, o universo não tem culpa do caminho que você decidiu trilhar e talvez você precise “fazer a Camargo”. O fracasso é normal, pois nada disso é fácil. Aliás, não é para ser fácil, é para ser interessante. Leve-se menos a sério! Como disse a poeta Vilma Galmão, “mire na Lua, pois se você não puder atingi-la, com certeza irá conhecer grandes estrelas… ou quem sabe, poder ser uma delas“.

Portanto, palmas para Wanessa e sua coragem de perseguir sua paixão pelos palcos. Você deveria fazer o mesmo. Siga suas desejos, obsessões e compulsões. Crie aquilo que faz seu coração bater mais forte. E se não der certo, qual o problema? De qualquer forma, o que mais você fará com seu tempo aqui na Terra? Não produzir nada? Não fazer coisas interessantes? Não seguir seu amor e sua curiosidade? Você não é feliz somente quando chega ao seu objetivo, e, sim, durante a caminhada! 😉

Apaixonado por Comunicação, Marcelo Haubrich é editor do Pheeno e também responsável pelo marketing e redes sociais do site! Além disso, o carioca de 25 anos acumula diversas funções na noite brasileira: designer, produtor, DJ, entre outras.

Comentários no Facebook