Vitória do povo LGBT! Justiça obriga site de namoro cristão a aceitar usuários gays

o-estado-democratico-de-direito-e-os-homossexuais-no-brasil

O proprietário do site de namoro ChristianMingle.com, o maior do mundo no segmento evangélico, está sendo obrigado a permitir que pessoas LGBT se cadastrem e busquem pessoas do mesmo sexo para relacionamentos, mesmo que já existam sites somente para este público. Desde 2013 havia uma batalha jurídica sobre o assunto.

Dois homens gays abriram um processo alegando discriminação num tribunal da Califórnia. Eles afirmavam que sites cristãos impediam usuários à procura de relacionamentos homoafetivos. O argumento dos advogados é que “as opções limitadas violam a lei anti-discriminação” em vigor no estado.

Com isso, Christian Mingle foi obrigado a indenizar os dois homens em nove mil dólares, e está obrigado a permitir que todos os seus usuários procurem tanto por homens quanto por mulheres. Desde então, a página inicial do site foi modificada e não possui mais a opção “homem procurando mulher” e “mulher procurando homem”.

A empresa terá dois anos para ajustar suas ferramentas de busca para que LGBTs tenham “uma experiência mais personalizada”.

Felipe é redator do Pheeno! Focado em explorar cada vez mais a comunicação em tempos de redes sociais, o carioca de 21 anos divide seu tempo entre o trabalho e a faculdade de jornalismo, sempre deixando espaço para o melhor da noite carioca!

Comentários no Facebook