“Vingadores: Ultimato” traz primeiro personagem abertamente gay do Universo Marvel

O Universo Cinematográfico da Marvel ouviu os apelos por mais diversidade e representatividade nos filmes produzidos em Hollywood. Em “Vingadores: Ultimato”, por exemplo, há uma cena em que um dos diretores do filme, Joe Russo, irmão do codiretor Anthony Russo, faz o papel de um personagem abertamente gay. É um momento breve, numa sequência neutra dentro da trama.

Tudo acontece logo no início do filme, quando se sabe que metade da população mundial foi dizimada pelo estalar dos dedos de Thanos no fim de “Guerra Infinita”. O personagem faz parte de um grupo de apoio a pessoas que tentam lidar com a dor de perder entes queridos que desapareceram. Ele fala sobre seu primeiro encontro romântico desde que perdeu seu parceiro.

Em entrevista ao site “Deadline”, o diretor-ator disse que a diversidade era importante para a evolução do UCM: “Queríamos um personagem gay em algum lugar nos filmes que dirigimos para a franquia. Achamos importante que um de nós o representasse, para garantir a integridade dele e mostrar o quanto isso é importante para nós. É um momento perfeito”.

Felipe é redator do Pheeno! Focado em explorar cada vez mais a comunicação em tempos de redes sociais, o carioca de 22 anos divide seu tempo entre o trabalho e a faculdade de jornalismo, sempre deixando espaço para o melhor da noite carioca!