Universidade federal lança vestibular específico para transgêneros e intersexuais

A Universidade da Integração da Lusofonia Afro-Brasileira (Unilab) lançou, na terça-feira (09/07), um vestibular específico para candidatos transgêneros e intersexuais. A instituição, que é federal, disponibilizará 120 vagas em 15 cursos presenciais da instituição em três campi da Unilab, dois no Ceará e um na Bahia. De acordo com os organizadores, a iniciativa é inédita no país.

As inscrições começam no dia 15 de julho e vão até o dia 24. Para comprovar ser travesti, transexual, não-binário e intersexual (categorias explicadas no edital), os candidatos precisam apresentar uma “autodeclaração de identidade”, confirmada por alguma instituição LGBT indicada pela universidade. No ato da inscrição, os candidatos devem escrever também um texto sobre a própria trajetória escolar e a importância da graduação para suas vidas. A prova será realizada no dia 21 de agosto. As vagas são para ingresso já em setembro deste ano.

Outras universidades adotaram programas que privilegiam a comunidade LGBT por meio de cotas e não com um vestibular específico. Entre elas estão a Universidade Federal do Grande ABC (UFABC), a Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), a Universidade do Estado da Bahia (UNEB), a Universidade Federal da Bahia (UFBA), a Universidade Federal do Sul da Bahia (UFSB) e a Universidade Estadual do Mato Grosso do Sul (UEMS).

Felipe é redator do Pheeno! Focado em explorar cada vez mais a comunicação em tempos de redes sociais, o carioca de 22 anos divide seu tempo entre o trabalho e a faculdade de jornalismo, sempre deixando espaço para o melhor da noite carioca!