Cantor gospel sai do armário durante entrevista para canal cristão

O cantor gospel ruandês, Albert Nabonibo, resolveu assumir sua homossexualidade. Albert falou sobre sua sexualidade em uma entrevista a um canal cristão do YouTube no início desta semana e disse que estava pronto para a reação devido às opiniões conservadoras e anti-gays da África em relação à homossexualidade.

“Há muitos como eu, mesmo nas igrejas, o fato é que eles escondem isso por causa da mentalidade dos fiéis e da comunidade e por sua segurança”, disse o músico em entrevista a BBC. “Alguns me insultam, outros me chamam de louco e estúpido, mas há quem me entenda, como meu irmão, que sempre me incentivou a ser quem eu sou”, contou. Ele ainda lamentou a situação da comunidade LGBT em muitos países da África: “Sinto muito por pessoas como eu que vivem com medo, elas devem ser ouvidas, porque temos que ser tratados como as outras pessoas”, continuou. Nabonibo finaliza dizendo que continuará “cantando para Deus”, embora saiba “será uma batalha diária”.

Em Ruanda, a homossexualidade e os atos homossexuais não são ilegais. No entanto, não existem leis para proteger os residentes LGBTs. Além disso, tanto o casamento civil, quanto a união estável entre pessoas do mesmo sexo, não são reconhecidos.

Felipe é redator do Pheeno! Focado em explorar cada vez mais a comunicação em tempos de redes sociais, o carioca de 22 anos divide seu tempo entre o trabalho e a faculdade de jornalismo, sempre deixando espaço para o melhor da noite carioca!