Motorista suspeito de agredir ator em SP se apresenta à polícia e nega homofobia

O motorista suspeito de ter agredido o ator Marcello Santanna, de 23 anos, dentro de um ônibus neste sábado (07/09), se apresentou espontaneamente na delegacia na tarde desta segunda-feira (09/09). Paulo Roberto de Morais Junior, de 31 anos, negou à polícia qualquer viés homofóbico. O ator, que teve o nariz quebrado, disse que foi vítima de agressão e homofobia.

De acordo com o depoimento, ele afirmou “que a vítima, o amigo e a prima entraram no ônibus fazendo bagunça, que estavam aparentemente embriagados e começaram a incomodar os outros passageiros”. Ainda segundo Júnior, “alguns chegaram a descer do ônibus”.

Ele ainda afirmou que pediu que o grupo parasse e, neste momento, a vítima teria baixado as calças e sentado no colo do amigo. O motorista disse que, depois disso, mandou os três descerem do ônibus. A vítima teria xingado ele e dado tapas na lataria do ônibus e que isso o teria irritado. Ele afirma ter dado apenas um soco na vítima e negou que a agressão tenha viés homofóbico. A polícia segue investigando o caso como lesão corporal.

Felipe é redator do Pheeno! Focado em explorar cada vez mais a comunicação em tempos de redes sociais, o carioca de 22 anos divide seu tempo entre o trabalho e a faculdade de jornalismo, sempre deixando espaço para o melhor da noite carioca!