Stylist é agredido por filhos de síndica no prédio onde mora: “Não queremos viado no condomínio”

Conhecido por vestir artistas como Lexa, Urias e Matheus Carrilho, o stylist Olavo Dias é mais uma vítima da homofobia. Em um desabafo feito em seu perfil no Instagram, Olavo afirma que foi agredido no condomínio onde mora, no Largo do Arouche, em São Paulo, no último sábado (09/11), após uma discussão com seu namorado.

Em entrevista ao Dentro do Meio, o stylist conta que logo após o desentendimento com o namorado foi abordado pelos dois agressores, filhos da síndica do condomínio. “Pedi desculpas e eles foram superagressivos dizendo que tínhamos acordado o prédio todo e que aqui era um ambiente familiar e não era permitida essas ‘viadagens’”, disse.

O stylist rebateu os agressores dizendo que eles estavam sendo homofóbicos. Foi então que as agressões físicas começaram. Olavo conta que foi levado às escadas do prédio, onde não havia o alcance das câmeras de segurança. “Eu gritava dizendo que ia chamar a polícia e um deles tirou uma arma da cintura dizendo que era policial e que era para eu sair do apartamento o mais rápido possível porque eles não querem saber de viado aqui no condomínio”, contou.

A vítima firma que nunca tinha visto os rapazes e só soube que eram filhos da síndica quando os dois falaram: “você sabe com quem está falando?”. Apesar do medo, Olvado conta que um boletim de ocorrência e o exame de corpo delito já foram feitos. “Confesso que estou com medo mas não vou me calar, não podemos nos calar”, desabafou.

Felipe é redator do Pheeno! Focado em explorar cada vez mais a comunicação em tempos de redes sociais, o carioca de 22 anos divide seu tempo entre o trabalho e a faculdade de jornalismo, sempre deixando espaço para o melhor da noite carioca!