RuPaul diz que ser drag queen deixou de ser divertido depois da fama

Durante entrevista no programa Late Night com Seth Myers, RuPaul abriu o jogo sobre a sua carreira como drag queen e revelou fazer drag deixou de ser divertido no momento em que ficou famosa mundialmente.

“Depois da fama, a diversão acabou pra mim, honestamente”, disse RuPaul sobre o momento em que ser drag queen virou de fato um trabalho. E explicou o porquê: “Eu não conseguia mais aterrorizar meus vizinhos ao sair na rua porque me tornei uma figura conhecida”, completou. Questionado sobre como criou sua persona drag, RuPaul revelou: “Sempre fui ambicioso. Então sabia que queria chegar longe e pra isso tinha que ter uma imagem mais polida e calculada”.

“Misturei um pouco de Dolly Parton, duas doses de Cher, uma de David Bowie e um tanto ainda de Diana Ross. Então ainda tirei a parte mais sexual pra que minha persona fosse bem recebida na sala de estar. E parece que funcionou!”, explicou RuPaul.

Felipe é redator do Pheeno! Focado em explorar cada vez mais a comunicação em tempos de redes sociais, o carioca de 25 anos divide seu tempo entre o trabalho e a faculdade de jornalismo, sempre deixando espaço para o melhor da noite carioca!