Prefeitura do Rio inaugura Centro Provisório de Acolhimento dedicado à população LGBTQ+

A Prefeitura do Rio, por meio da Secretaria Municipal de Assistência Social e Direitos Humanos (SMASDH), em conjunto com a Coordenadoria Especial da Diversidade Sexual (CEDS-Rio), inaugurou neste domingo (28/06) mais um Centro Provisório de Acolhimento (CPA) para pessoas em situação de rua, na Rua Tenente Possolo, no Centro.

Segundo informações do Jornal do Brasil, o novo CPA conta com 50 vagas que serão dedicadas totalmente à população LGBTQ+. Na inauguração do espaço, que aconteceu no Dia Internacional do Orgulho LGBTQ+, a secretária da SMASDH, Tia Ju, lembrou das vítimas da Covid-19 e ressaltou que a Secretaria tem feito todos os esforços para que a população em situação de rua tenha o acolhimento que tanto necessita. “Quero pedir um minuto de silêncio em homenagem aos que faleceram, inclusive vários servidores nossos que não resisitiram a essa doença”, disse ela.

O coordenador especial da Diversidade Sexual, Nélio Georgini, que também participou da inauguração do Centro destacou a importância do novo espaço. “O abrigo com vagas direcionadas para o público LGBTQ+ chega em um dos momentos mais críticos que passamos. Diante da crise da Covid-19, esse grupo também foi fortemente atingido”, comentou.

O novo CPA possui quartos duplos e triplos, com banheiros individuais, área ao ar livre, além de contar com todos os serviços sócio assistenciais que já fazem parte da rede da SMASDH. Este é o quarto CPA implementado pela Prefeitura desde o início da pandemia do novo coronavírus na cidade. Ao todo, são 280 vagas nos quatro centros, com mais de 230 atendidos até então.

Confira imagens

Felipe é redator do Pheeno! Focado em explorar cada vez mais a comunicação em tempos de redes sociais, o carioca de 25 anos divide seu tempo entre o trabalho e a faculdade de jornalismo, sempre deixando espaço para o melhor da noite carioca!