Bad Bunny é capa da primeira edição digital da história da Playboy

Foto: STILLZ

Fenômeno da música latina, Bad Bunny acaba de fazer história sendo o primeiro homem a aparecer sozinho como destaque na Playboy, em seus 66 anos de existência.

A reportagem, intitulada “O Bad Bunny não está brincando de Deus”, aborda o status do rapper como um aliado gay no reggaeton, também discutindo seu álbum YHLQMDLG e outros aspectos de sua carreira.

Sempre tendo sua sexualidade posta em pauta, Bad conta que o sexo é um “mundo gigante”. “O sexo é um mundo gigante, e todos são livres para vê-lo como quiserem e fazê-lo com quem quiserem, como quiserem, com infinitas possibilidades. No fim, somos seres humanos. Todo mundo sente, todo mundo se apaixona por quem quer que seja”.

Confira alguns cliques

Foto: STILLZ
Foto: STILLZ
Foto: STILLZ
Foto: STILLZ

Felipe é redator do Pheeno! Focado em explorar cada vez mais a comunicação em tempos de redes sociais, o carioca de 25 anos divide seu tempo entre o trabalho e a faculdade de jornalismo, sempre deixando espaço para o melhor da noite carioca!