Atitude! Revoltado com homofobia, padeiro divulga mensagens de apoio a LGBTs em sacos de pão!

Aderson Arendt, dono de uma padaria em Curitiba, teve uma ideia para ajudar no combate à homofobia. Sensibilizado com os crimes cometidos contra à comunidade LGBT, o padeiro resolveu entrar na luta e ilustrou os sacos de pão com a mensagem “Homofobia é crime. Direitos iguais é inclusão social. A homossexualidade não é doença!!! A homofobia sim!!!”

A iniciativa surpreendeu clientes e moradores da região e tem repercutido bastante desde o início desta semana, principalmente nas redes sociais. A mensagem também está estampada em um painel luminoso na padaria. O comerciante conta que a ideia surgiu depois de perceber o comportamento das pessoas em relação aos homossexuais.

“Recentemente percebi uma cena em um restaurante que me deixou muito constrangido. Em uma mesa estava um grupo de gays e na outra havia várias pessoas tirando sarro e brincando com a situação”, contou Aderson. “Eu me senti muito mal e constrangido. Não sabia nem como reagir ou ajudar”, acrescentou. Pai de seis filhos e em seu 5º casamento, ele conta que o retorno foi muito positivo. “As pessoas que vierem aqui e tiverem preconceito, prefiro que dêem meia volta e nem entrem”, declara. As suas mensagem de apoio já foram impressas mensagens em 500 mil pacotes!

Confira a mensagem estampada no saco de pão…

pheeno-padeiro

Felipe é redator do Pheeno! Focado em explorar cada vez mais a comunicação em tempos de redes sociais, o carioca de 25 anos divide seu tempo entre o trabalho e a faculdade de jornalismo, sempre deixando espaço para o melhor da noite carioca!