Marcha do Orgulho Hétero reúne 20 pessoas na orla do Rio de Janeiro!

Aconteceu na tarde deste domingo (30/11), na orla da Zona Sul do Rio de Janeiro, a “Marcha do Orgulho Hétero”. Com aproximadamente 20 pessoas, a protesto incomum aconteceu por volta das 12h, e percorreu o posto 9 ao 8. O grupo carregava faixas com os dizeres: “Héteros unidos jamais serão extintos”, “Meninos e meninas”, “Preservar a espécie” e “Mulher é mulher”.

Segundo ao “G1”, na altura da Rua Farme de Amoedo, famosa por ser ponto de encontro dos LGBTs em Ipanema, um dos integrantes da marcha foi até a beira da praia, onde ficam as bandeiras gays, e mostrou uma placa com uma mensagem contra a heterofobia. Ele ainda perguntava para as pessoas que passavam pelo local: “Vocês estão do nosso lado ou do lado deles?”. “Os heterossexuais estão virando minoria. Todos têm o direito de se manifestar. Queríamos organizar nosso movimento também”, disse Nelson Couto, de 69 anos, morador do Arpoador. “Você quer participar?”, perguntou Nelson à médica Patricia Juliana Ferreira Fernandes, capitã da Força Aérea Brasileira. Patricia não quis.

“Isso me causa estranheza. Acredito que o movimento contra a homofobia conquistou avanços nos últimos tempos. Acho um absurdo a presença de crianças nessa marcha. Quem não tem conflito sexual dentro de si nem pensa sobre esse tipo de coisa”, opinou Patricia. José Mayer, ator que interpreta um personagem em conflito com sua sexualidade, na novela “Imperium”, foi convidado por Nelson para ser uma espécie de embaixador da caminhada. Segundo o organizador da marcha, Mayer recusou o convite.

Confira algumas fotos da marcha…

marcha-hétero-corpo-2

marcha-hétero-corpo

marcha-pheeno-capa

Felipe é redator do Pheeno! Focado em explorar cada vez mais a comunicação em tempos de redes sociais, o carioca de 25 anos divide seu tempo entre o trabalho e a faculdade de jornalismo, sempre deixando espaço para o melhor da noite carioca!