Membro do Queen conta que Freddie Mercury perdeu pé por conta da Aids

Freddie Mercury teve o pé amputado antes de morrer em 1991, aos 45 anos, em decorrência de complicações da AIDS. A revelação foi feita pelo guitarrista do Queen Brian May, em entrevista a revista Times Magazine.

“O problema era o seu pé. Tragicamente, restava muito pouco dele. Uma vez nos mostrou durante o jantar e disse: ‘Brian, me perdoa se te incomodei te mostrando isso'”, relata o músico, de 69 anos. “Eu lhe contestei: ‘Não estou incomodado, Freddie, exceto por me ter dado conta que tem que aguentar toda essa terrível dor'”, relembra.

Mercury por consequência direta de uma pneumonia bronquial provocada pela Aids. Para May, se o cantor tivesse começado a receber o coquetel para combater a Aids meses antes, “ainda estaria conosco”. O guitarrista ainda lembrou como o cantor revelou ao resto do grupo que era gay “anos depois de todo mundo ter certeza do que era óbvio”.

“Foi bastante óbvio quando os visitantes no camarim começaram a deixar de ser meninas bonitas e passaram a ser homens ‘sexys'”, afirma May.

Felipe é redator do Pheeno! Focado em explorar cada vez mais a comunicação em tempos de redes sociais, o carioca de 25 anos divide seu tempo entre o trabalho e a faculdade de jornalismo, sempre deixando espaço para o melhor da noite carioca!