Apresentadora do Cidade Alerta se revolta ao vivo com caso de homofobia: “Que valor cristão é esse?”

Foto: Reprodução/TV Paranaiba

A apresentadora do Cidade Alerta Minas, Luciana Leight, ficou indignada após reportagem exibida durante a atração na última quarta-feira (12/08), noticiando um caso de homofobia em um bar, na cidade de Uberlândia (MG). Ao vivo, a jornalista mandou a real e criticou a atitude de um bar, que não aceitava “militância LGBT”.

“Somos uma cervejaria católica. Não temos medo de gritar bem alto o ensino tradicional da única Igreja de Nosso Senhor Jesus Cristo, ainda que isso nos deixe apenas com um punhado de clientes. Pelo contrário, ficaremos extremamente felizes”, diz o post feito pelo proprietário do estabelecimento nas redes sociais, acompanhado de uma foto com a seguinte mensagem: “A cervejaria é contra a militância LGBT e não teme perder clientes por isso”. Diante do caso, Luciana soltou o verbo e detonou os homofóbicos.

“Aí vem dizer que ele só tava defendendo os valores cristãos… Amor, eu sei pouco dessa vida, mas uma certeza eu tenho: o Deus que eu acredito é o Deus que prega amor. É o Deus que prega que eu tenho que amar as outras pessoas, independentemente do que elas são”, disse. “Que raio de valor cristão é esse que você tá usando?”, questionou. “Você não bota igreja no meio disso, não! Porque se você quer ser preconceituoso, você assuma, tenha peito e agora pague pelo preço”.

“Meu Deus, 2020! 2020 e eu ainda tenho que falar de caso de homofobia, de caso de transfobia? Desde quando a vida do outro passou a ser mais importante que a sua? Cuida da sua! Mas que peste!”, concluiu Fernanda. Falou tudo, né?!

Confira

VEJA + NO PHEENO TV

Felipe é redator do Pheeno! Focado em explorar cada vez mais a comunicação em tempos de redes sociais, o carioca de 25 anos divide seu tempo entre o trabalho e a faculdade de jornalismo, sempre deixando espaço para o melhor da noite carioca!