Entidades LGBTs cobram retratação pública de padre que atacou repórteres com discurso homofóbico em missa

O Grupo Arco-Íris e a Aliança Nacional LGBTI+, duas entidades que atuam na promoção, proteção e defesa da comunidade LGBTI+ no Brasil, estão enviando uma notificação extrajudicial ao padre Paulo Antônio Muller, da Paróquia Nossa Senhora Aparecida, em Tapurah (MT), além da própria instituição religiosa, para que ele se retrate publicamente por seu discurso homofóbico.

“É inadmissível receber declaração de ódio, de homofobia sem reagir. Não admitiremos mais qualquer discurso de ódio contra pessoas LGBTI+. Não se pode confundir liberdade religiosa com incitação ao ódio e a violência. Encaminhamos a notificação extra judicial para que o padre se retrate na missa, ou será processado por crime de homofobia, conforme decisão do STF, que equiparou a LGBTIfobia ao crime de racismo. Amor se responde com amor, ódio e discriminação se respondem com a lei e a justiça“, declara Claudio Nascimento, presidente do Grupo Arco-Íris e Diretor de Políticas Públicas da Aliança Nacional LGBTI+.

Para o ativista católico e presidente da Aliança Nacional LGBTI+, Toni Reis um padre deve representar um pensamento inclusivo, que está muito bem resolvido em Matheus, que é amar ao próximo como a ti mesmo, que é o segundo maior mandamento da Igreja e ele infelizmente ao usar o púlpito da Igreja, disseminando o ódio e a discriminação, desviou o papel de liderança religiosa, que é pregar o amor, a compreensão e a tolerância.

As duas entidades pró-LGBTI+ pedem que o sacerdote se desculpe durante uma de suas missas. Caso não ocorra a retratação pública, o padre Paulo Muller poderá ser processado por crime de homofobia, com base na Lei nº 7.716/1989 (Lei Antirracismo), que tem equiparação no enfrentamento contra homofobia.

Reveja o vídeo

VEJA + NO PHEENO TV

Felipe é redator do Pheeno! Focado em explorar cada vez mais a comunicação em tempos de redes sociais, o carioca de 25 anos divide seu tempo entre o trabalho e a faculdade de jornalismo, sempre deixando espaço para o melhor da noite carioca!