“Quanto Mais Vida, Melhor”: próxima novela da Globo terá personagem não-binária e drag queen

Com estreia marcada para segunda-feira (22/11), a próxima novela das sete horas da TV Globo, “Quanto Mais Vida, Melhor!” terá uma personagem não-binária que é drag queen. Interpretada por Alessandro Brandão, A Chefe comandará a boate “Pulp Fiction” e se apresentará no local.

 “É uma personagem muito bonita, porque a gente se esforçou muito para que realmente fosse uma drag queen, nem homem, nem mulher, como David Bowie. Ele é fluido, um homem gay fluido. É muito importante que a gente tenha outras referências“, explicou o ator, que é gay assumido, em entrevista ao Gshow. “Ela [Chefe] trata tudo de uma maneira tão verdadeira e sem grandes dramas (…) Já é [um lugar] de aceitação, a fluidez é muito bonita, é de uma importância muito grande, os olhos amorosos. E não é uma personagem feminina, vamos reforçar esse lugar da não binaridade. Essa personagem não é binária, é a coisa mais importante – ele é LGBT, drag queen”, definiu Alessandro.

O ator afirma que seu papel na novela não terá uma trama pesada só por estar no contexto da comunidade LGBTQIA+: “A fluidez que a Chefe tem na novela é muito bonita. A comunidade LGBTQIA+ também precisa ser vista com esses olhos amorosos, não só como revolução, mas também com olhos do amor. E essa personagem é carregada disso”, pontua.

VEJA + NO PHEENO TV

Felipe é redator do Pheeno! Focado em explorar cada vez mais a comunicação em tempos de redes sociais, o carioca de 25 anos divide seu tempo entre o trabalho e a faculdade de jornalismo, sempre deixando espaço para o melhor da noite carioca!