Casal gay denuncia ter sido vítima de homofobia em shopping de Natal: “Vão sarrar em casa”

Um jovem de 24 anos usou as suas redes sociais, nesta quinta (02/12), para denunciar um caso de homofobia em um shopping da Zona Sul de Natal. Identificado apenas como Felipe, ele registrou com o celular o momento em que um senhor se aproximou dele e do seu namorado e “sugere” que os dois se afastassem. No vídeo, é possível ver o homem, visivelmente incomodado, mandar o casal “sarrar em casa” e deixar o local.

Não é que eu esteja gostando, porque eu não gosto disso. É que eu estou com minha família todinha ali, tem outra famílias ali”, disse o senhor. Neste momento, uma mulher intervém e questiona a situação. O homem retruca, dizendo que os jovens deviam “parar” e chega a encostar nos dois rapazes. “Não precisa encostar em mim”, pede um deles. A mulher segue conversando com o homem e questiona. “O senhor sabe que LGBTfobia é crime?“. Após a pergunta da moça, o idoso abandona o local.

Em conversa com o portal Tribuna do Norte, Felipe afirmou que está trabalhando para identificar e processar o homem do vídeo. “Me senti invadido e postei porque acredito que as pessoas precisam entender que LGBTQIAPfobia é real e pode acontecer do lado da gente“, ressaltou. “As pessoas ainda acham que dois homens não devem se abraçar em locais públicos, isso é um absurdo“, completou.

Por meio de nota, o Natal Shopping repudiou o caso. “Todas as pessoas são bem-vindas no estabelecimento, independente da orientação sexual ou de gênero“, afirmou o local. “O shopping reitera ainda que LGBTfobia é crime e que irá entrar em contato com a vítima para dar todo o suporte necessário“.

Confira o vídeo

VEJA + NO PHEENO TV

Felipe é redator do Pheeno! Focado em explorar cada vez mais a comunicação em tempos de redes sociais, o carioca de 25 anos divide seu tempo entre o trabalho e a faculdade de jornalismo, sempre deixando espaço para o melhor da noite carioca!