Travesti de 27 anos é morta a tiros em rua de Aparecida de Goiânia, em Goiás

Uma travesti de 27 anos foi morta a tiros em uma rua de Aparecida de Goiânia, em Goiás. Segundo a Polícia Civil, Brunna Kimberlly foi baleada com pelo menos três disparos de arma de fogo e morreu no local. O suspeito fugiu.

Conforme informações do G1, o crime aconteceu na manhã de quinta-feira (24/02), às 11h45, na Rua São Paulo, no Setor Nossa Senhora de Lurdes. Segundo o delegado Klayter Camilo, da Polícia Civil, Brunna trabalhava na área, conhecida como “região dos motéis”. “Foi iniciada uma apuração, mas ainda não está descartada nenhuma linha de investigação”, disse Klayter.

Segundo o investigador do Grupo de Investigação de Homicídios (GIH) de Aparecida de Goiânia, Brunna estava em uma calçada, a pé, quando foi atingida com pelo menos três disparos de arma de fogo. “Ainda não tive acesso ao laudo cadavérico, mas ela foi atingida com pelo menos três disparos. Ainda não foi identificado o calibre da arma. A autoria e a motivação ainda estão em apuração”, explicou. Segundo a Polícia Civil, até as 16h desta sexta (25/02) ninguém foi preso.

VEJA + NO PHEENO TV

Felipe é redator do Pheeno! Focado em explorar cada vez mais a comunicação em tempos de redes sociais, o carioca de 25 anos divide seu tempo entre o trabalho e a faculdade de jornalismo, sempre deixando espaço para o melhor da noite carioca!