Encontro de Danny Bond e Doja Cat no Lollapalooza está em negociação

O encontro entre Danny Bond e Doja Cat no Lollapalooza pode mesmo acontecer! Remix de “Say so” e “Tcheca”, produzido pelo DJ S4TAM é um sucesso, por isso fãs imploram pela participação da alagoana no show da americana. Já houve proposta milionária de encontro, mas o feat ainda não é certo.

Segundo informações do G1, houve duas propostas, que esbarraram no valor de um patrocínio e na agenda de Doja, e não foram fechadas. Apesar disso, ainda há um contrato entre as equipes. De qualquer forma, Danny estará no Autódromo de Interlagos no dia do show. “Assim que anunciou a programação meu nome já entrou nos ‘trends’ mais alto que as atrações mesmo. Estou ansiosa, porque seria f*da uma travesti negra da favela do Nordeste num palco desse tamanho, com uma cantora internacional“, diz a artista ao portal.

Sobre as propostas, Danny é embaixadora do Tinder no Brasil e a plataforma estaria interessada em promover o encontro já que a Doja também já fez ações publicitárias para o aplicativo. Na primeira tentativa, o Tinder iria simular um “match” no telão do show antes da brasileira ser anunciada para subir ao palco. Porém, a equipe do festival quis cobrar R$1 milhão pela ação publicitária, e ela não foi fechada. Outra alternativa era de que as duas fizessem um shows juntas no Rio de Janeiro após o Lolla, que acontece em São Paulo, mas Doja já não estará mais no Brasil.

Independente do feat, Danny Bond é presença confirmada no Autódromo de Interlagos, em 25 de março, dia do show de Doja Cat. A brasileira considera o fato de Doja ter conhecimento sobre seu trabalho. “A Doja Cat já sabe quem eu sou e sabe que esse remix é um sucesso por aqui”, comemora. “Acho que a Doja, assim como eu, é muito da atualidade e gosta de se aventurar nas coisas – principalmente nas letras e nos raps. As duas coisas se ligaram. Não tem mais como ouvir uma sem lembrar da outra“, completa a artista.

Ouça o remix

VEJA + COM PHEENO TV

Felipe é redator do Pheeno! Focado em explorar cada vez mais a comunicação em tempos de redes sociais, o carioca de 25 anos divide seu tempo entre o trabalho e a faculdade de jornalismo, sempre deixando espaço para o melhor da noite carioca!