Lil Nas X crítica BET Awards por não receber indicações: “Homofobia da comunidade preta”

Lil Nas X ficou desapontado por não ser indicado em nenhuma categoria do BET Awards deste ano e voltou a criticar a premiação, nesta nesta terça-feira (07/06). Em resposta, o rapper escreveu uma música em que cita o evento. “Foda-se o BET“, canta o artista logo nos primeiros versos da canção.

Após o evento ter divulgado sua lista de indicados na semana passada, o rapper compartilhou um trecho de uma nova música em que ele aparece xingando o BET. No vídeo publicado em seu Twitter, Nas X diz: “Foda-se o BET, foda-se o BET / Lamba-o, chupe-o / Faça de um jeito bagunçado, ok, ok, ok, ok / Veja como eu estou no topo das merdas / Eu simplesmente coloquei tipo três no top 10 / E eu não preciso de ninguém“. A premiação organizada pela Black Entertainment TelevisionTelevisão de Entretenimento Negro, em tradução livre — tem como proposta enaltecer a comunidade negra do mundo da música, do esporte, da televisão e do cinema.

Nas redes sociais, ele complementou sua crítica: “Isso não é só sobre o BET Awards, isso é sobre a homofobia na comunidade preta. Vocês podem sentar e fingir se quiserem, mas eu vou arriscar tudo por nós”, começou. “Como posso ser reconhecido pela premiação mais aclamada do mundo e não ter uma indicação do meu próprio povo? Isso não é loucura?”, questionou o cantor. Industry Baby é a segunda música número 1 mais longa nas paradas de rap de todos os tempos e não recebeu uma única indicação“, respondeu Nas X a um seguidor.

Com a repercussão das reclamações feitas pelo cantor e a pressão dos fãs, a organização do BET Awards se pronunciou sobre sua ausência nas nomeações. “Ele foi indicado ao prêmio de melhor artista revelação BET em 2020 e orgulhosamente exibimos seu talento e criatividade extraordinários no programa duas vezes“, destaca a premiação. Além do comunicado, a equipe também fez uma publicação dedicada somente ao rapper com vídeos e fotos do músico.

VEJA + NO PHEENO TV

Felipe é redator do Pheeno! Focado em explorar cada vez mais a comunicação em tempos de redes sociais, o carioca de 25 anos divide seu tempo entre o trabalho e a faculdade de jornalismo, sempre deixando espaço para o melhor da noite carioca!