TRETA NO PORNÔ: ator responde acusação sobre monkeypox (vídeo)

Esta semana, o ator pornô Lucas Katter narrou sua trajetória de quando contraiu monkeypox e ficou internado por 5 meses perdendo até o movimento das pernas. No vídeo, ele conta que contraiu a infecção ao gravar um conteúdo com um ator que estava com a doença e, mesmo sabendo, supostamente só o avisou após a gravação. O ator veio às redes desmentir.

Luiggi, o produtor de conteúdo acusado por Katter, usou seu Twitter para explicar sua versão: “nem precisava ele falar isso, porque todo mundo sabia que a última cena que ele gravou foi comigo. Ele criou uma rede de apoio fora fora da internet e ignorou tudo o que eu disse”, conta Luiggi alegando que não sabia que estava com a infecção ainda no dia da gravação.

“Tudo o que a médica me passou, eu passei pra ele, ele teve informação e apoio psicológico, eu informei a ele desde o princípio da lesão e posso provar tudo o que estou falando, desde a data que a gente gravou, o exame com data posterior, as ligações que fiz para acompanhar como você estava”, diz Luiggi em seu depoimento.

Luiggi deixou claro que só soube de sua infecção após exame realizado dias depois do encontro e que avisou a ele sobre as consequências e que está disposto a ajudá-lo a recuperar sua vida financeira, inclusive com novos trabalhos no pornô. Ele pede perdão e diz que os dois foram vítimas de uma doença, e que ninguém é culpado, mas que a história não deveria ter tomado essas proporções.

Facebook Notice for EU! You need to login to view and post FB Comments!

Bee 40tona

Você vai curtir!