GO: Mulheres são investigadas após postagens homofóbicas com recompensa para esfaquear gay

A Delegacia de Polícia de Uruana, em Goiás, deflagrou, nesta quinta-feira (27/07), a Operação Confabulus, que cumpriu dois mandados de busca e apreensão em residências de duas mulheres investigadas por serem as autoras das postagens no Instagram com diversas mensagens homofóbicas e racistas.

Segundo a Polícia Civil, as duas mulheres, que não tiveram a identidade revelada, estavam sendo investigadas desde 2021. Elas usavam várias contas em uma rede social para fazer publicações com mensagens ofensivas, racistas, que propagavam ódio, incitavam crimes, além de divulgarem cenas de pornografia. Em uma mensagem postada nos stories da página estava escrito: “Quem espancar, esquear esse gay lixo aqui vai ter uma recompensa com a gente, postei os áudios com as ameaças dele. Ele lixo tem até AIDS que o povo tá falando é um imundo mesmo [sic]”.

Ao jornal O Popular, o delegado Marcos Adorno informou que as vítimas eram escolhidas de forma aleatória. A identificação dos criadores dos perfis só foi possível após a quebra de sigilo das redes sociais onde os crimes eram cometidos. Na delegacia, as suspeitas confessaram que criaram alguns dos perfis usados. Até o momento, mais de dez vitimas foram identificadas.

Elas praticavam esses crimes há cerca de dois anos e já estavam confortáveis em continuar. Elas confessaram parcialmente a titularidade dessas contas nas redes sociais, mas nós já temos os dados que foram registrados nestes perfis“, explicoua Adorno.

Com o deferimento dos pedidos, a corporação apreendeu celulares, tablets e notebooks das investigadas. As investigações seguem no sentido de apurar a responsabilidade de cada uma delas nos crimes. Caso sejam condenadas, as mulheres podem cumprir penas que ultrapassam 20 anos de prisão.

VEJA + NO PHEENO TV

Facebook Notice for EU! You need to login to view and post FB Comments!

Felipe Sousa

Felipe é redator do Pheeno! Focado em explorar cada vez mais a comunicação em tempos de redes sociais, o carioca de 25 anos divide seu tempo entre o trabalho e a faculdade de jornalismo, sempre deixando espaço para o melhor da noite carioca!

Você vai curtir!