Diego Hypólito contrata segurança após foto com Bolsonaro: “Fui ameaçado de morte”

Convidado do Altas Horas do último sábado (30/11), Diego Hypolito falou sobre a repercussão de ter postado uma foto ao lado do presidente Jair Bolsonaro (sem partido). “Tem sido uma super experiencia, porque vivemos um mundo da internet, que não tem dono. Eu só vim no seu programa, porque foi você, nem sei como consegui entrar. Eu estava aos prantos antes de entrar”, disse o ex-atleta a Serginho Groisman.

Ainda durante o programa, Diego afirma que chegou a ser ameaçado de morte. “Fui ameaçado de morte, maltratado e xingado de tudo nas redes sociais”, contou. Diego falou também que não tem saído de casa e que foi agredido em uma balada. Depois disso, contratou um segurança particular. “Nunca imaginei que eu ia precisar andar com um segurança, e eu precisei contratar um segurança porque estava com medo. Isso é uma coisa absurda, principalmente pelo meu público”.

“Eu sou gay. Meu público é o público do amor, então não pode me tratar com ódio uma pessoa que é igual a todas as outras pessoas. E a sensação que eu tive, depois de tudo o que escutei, é que todo esse amor, que as pessoas estão dizendo que estão propagando, eu senti que retrocedeu muito. Eu não sou melhor do que ninguém”, finalizou.

Felipe é redator do Pheeno! Focado em explorar cada vez mais a comunicação em tempos de redes sociais, o carioca de 22 anos divide seu tempo entre o trabalho e a faculdade de jornalismo, sempre deixando espaço para o melhor da noite carioca!