Maior hit internacional de 2019, “Old Town Road” ganha versão brasileira queerneja

Após lançar o seu primeiro álbum “ZZ” (2017), misturando pop-eletrônico com letras geeks e com influências de seres místicos e mitológicos, Zerzil se reinventa em seu novo single, com influências sertanejas da sua infância em Montes Claros, Minas Gerais.

Com elementos modernos do pop, bregafunk e sertanejo universitário, a letra aborda o ponto de vista LGBT dentro do universo sertanejo. Intitulada “Garanhão do Vale”, a faixa é versão queerneja brasileira do maior hit internacional de 2019, “Old Town Road”, do rapper Lil Nas X.

Zerzil, que atualmente vive na capital de São Paulo onde, além de atuar como artista, também está na linha de frente do combate ao coronavírus, é um dos médicos que integram a equipe do Hospital Municipal de Parelheiros, um dos hospitais de referência neste momento de pandemia, localizado na Zona Sul de São Paulo, cidade que mais sofre com casos confirmados da doença.

Zerzil antecipou o lançamento do single por conta do coronavirus, para levar arte às pessoas num momento tão delicado de confinamento mundial. O single traz versos e gírias explicitamente ligadas ao universo LGBT. O clipe apresenta Zerzil como um cowboy gay, que tira seu garanhão-unicórnio do armário e segue em uma jornada em busca do Vale Encantado LGBT. Com direito a um “vilão” cangaceiro, representado pelo produtor musical da faixa Rodrigo Zalc (“Zalc no beat”) e a um urso que representa a subcultura gay dos “bear”.

Felipe é redator do Pheeno! Focado em explorar cada vez mais a comunicação em tempos de redes sociais, o carioca de 25 anos divide seu tempo entre o trabalho e a faculdade de jornalismo, sempre deixando espaço para o melhor da noite carioca!